LAURENCIN, MARIE (1883-1956)

Dados biográficos: Nasceu em Paris em 1883, (85?). Queria ser pintora de porcelana, “profissão bonita para uma rapariga.” (Benezit).
Cerca de 1905,com Georges Bracque, seu colega na academia Humbert, frequenta o atelier de Picasso, em Montmartre. Discussões acaloradas, enchiam o ambiente. O fauvismo estava prestes a ceder lugar ao cubismo e as discussões acesas, não se limitavam à pintura, estendiam-se à literatura e à poesia.
Foi aqui que Laurencin, teve as suas melhores lições.
Apollinaire, dedica-lhe um capítulo nas “Meditações Estéticas”.
Em 1912, mostra, com R. Delaunay, a sua obra e participa, no projecto de decoração da “casa cubista” no Salão de Outono, em Paris.
Com a Guerra, (14/18), casada com um pintor alemão, parte para Espanha, onde convive com Gleizes, Cravan e Picabia. Em 1920, regressa a Paris.
Nos seus quadros vemos muitas vezes, os que se cruzavam no grupo de Picasso, (Apollinaire, F. Olivier, M. Gillot, M. Chevrier, A. Salmon o próprio Picasso…).
Marie, vai procurando o seu estilo.”Tornou-se a pintora das meninas com olhos de corça. … Combinou como alguns poetas do seu tempo, o realismo e o mundo das fadas. O (seu) modelo foi muitas vezes, a neta da porteira. (...) tinha o condão das fadas, na ponta do seu pincel. (…) a sua própria paleta, rica de cores, escolhidas de entre as mais doces e das quais, se deleitava a arrancar, antes de mais, todas as gradações, de maneira maravilhosa…” E.Benezit, in Dictionnaire des Peintres, Sculpteurs, Dessinateurs et Graveurs.
Praticou a pintura, aguarela, gravura, ilustração e cenografia.
Morreu em Paris, em 1956.

Código QR do URL: http://vart.pt/laurencin-marie/

http://vart.pt/laurencin-marie/

Não tem um leitor de código QR?
Faça o download em scan.me.