BARROS, AUGUSTO (1929-1998)

Nome Completo: Augusto Barros Ferreira

Dados biográficos: Nasceu em Lisboa, em 1929.
Tem aulas na Sociedade Nacional de Belas Artes, em Lisboa, com Machado da Luz.
Como muitos outros, antes e depois dele, considerou ser a emigração, a única solução para poder trabalhar em arte e viver dela.
Em 1959, após a obtenção de uma bolsa concedida pela Fundação Calouste Gulbenkian, Barros parte para a Alemanha, onde estuda e se torna discípulo do Mestre Hans Thiemann, da Escola Staadtliche Hochschule Fur Bildende Kunst, de Hamburgo.
Em finais de 1962, regressa a Portugal. É convidado pelo Arq. Conceição e Silva para maquetista dos seus projectos. Ainda neste ano é convidado a participar no 2º Salão de Artes Plásticas da Fundação Calouste Gulbenkian.
A partir de 62, expõe colectiva e individualmente, quer em Portugal, quer em diversos países europeus e também nos EUA.
Em 63, já em Paris, trabalhou com Man Ray e tornou-se amigo de Vieira da Silva, do seu marido, Arpad Szenes, de Cargaleiro e de muitos outros.
A sua obra de pintura, óleos, guaches, colagens, é abstractizante. Constrói-se a partir do uso de cores geralmente amortecidas.
1988, regressa definitivamente a Portugal. Continua a pintar e expõe regularmente, até ao fim da vida, em Portugal e França.
Morreu em 1998, em Trajouce, onde residia.

Código QR do URL: http://vart.pt/barros-augusto/

http://vart.pt/barros-augusto/

Não tem um leitor de código QR?
Faça o download em scan.me.